NOTA DO COMITÊ CARLOS DE RÉ – DOIS ANOS DE INJUSTIÇA EM AYOTZINAPA

Um das crimes mais bárbaros da atualidade completa dois anos: o massacre de jovens estudantes em Ayotzinapa no México. É de extrema importância nos atentarmos à magnitude deste acontecimento, por seu caráter massivo –  6 mortos torturados e 43 sequestrados – pela banalidade de motivos, e por sua brutalidade: o desaparecimento de todos e cada um dos sequestrados. A perda e a morte de tantas vidas se soma à dor de familiares e amigos, impedidos de saber o destino, as circunstancias, os responsáveis pela tragédia.

Repercutindo em toda a comunidade internacional, um delito destas dimensões adquire caráter de “crime de lesa humanidade” e exige do Governo mexicano a mais acurada investigação e punição dos responsáveis. A falta de informação e a impunidade absoluta que se percebe até este momento, permite vislumbrar um deliberado desejo de não levar a adiante a investigação e a judicialização dos criminosos.

Somando-se ao clamor da opinião pública de todos os quadrantes do planeta, o Comitê Carlos de Ré exige a verdade, a reparação e a justiça para as vítimas de Ayotzinapa.

Porto Alegre,  17 de outubro de 2016

carlos-de-re

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s