NOTA SOBRE A MORTE DO TORTURADOR CORONEL BRILHANTE USTRA – 19/10/2015

Repressor  impune

Com o falecimento do militar Brilhante Ustra perde nosso país mais uma oportunidade de construir uma nação efetivamente democrática.

 Criminoso massivo, organizador de máquina estruturada de sequestro, sevícia, assassinato e desaparecimento, executor frio e sistemático das ordens superiores de extermínio, mentiroso contumaz e ocultador dos crimes do Estado Brasileiro contra sua população e todos que resistiam à tirania, desde 1961, no episódio da Legalidade, já mostrava sua inclinação ao delito, disfarçado de oficial  e abjurando de seus deveres legais ante a nação que pagou sua formação, seu soldo e sua vergonhosa aposentadoria. Braço delinquente da rede de comando que o manejava desde Brasília, teve o ápice de sua atuação no DOI-CODI de São Paulo, onde se contam milhares de vítimas, fatais, sequelados ou sobreviventes.

Listado no Relatório da Comissão Nacional da Verdade de dezembro de 2014 como criminoso de lesa humanidade, ombreando assim com nazistas, pinochetistas e demais facínoras, figura como réu não anistiável e responsável por crimes não passíveis de prescrição. Manteve, entretanto, sua impunidade remunerada graças à leniência de todas as esferas do Estado Brasileiro, notadamente a partir de 1988, quando deveria ter-se iniciado o julgamento de todos os criminosos.

Personagem rasteiro de uma “página infeliz de nossa história”, importa lembrar seu currículo como alerta contra a crescente violência atual em nossa democracia, praticada por diferentes esferas do Estado Brasileiro, desde a policial e militar até a legislativa e judicial. Para que não se esqueça e não mais aconteça.

Porto Alegre, 19 de outubro de 2015

Os Coordenadores Chris Rondon, Raul Ellwanger.

Logo dos Banners

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s